Câmbio e Criptomoedas são os assunto do momento.

Uma das maiores corretoras de câmbio do Brasil – o Grupo B&T, anuncia que está entrando para o mundo das criptomoedas.

Essa introdução anteriormente, se deu através do lançamento da fintech bitblue.com, que já promove operações em Bitcoin, Ethereum e Dash.

O grupo entra como uma Exchange que pretende competir de igual para igual com as maiores do país, como a Foxbit, BitcoinTrade e Mercado Bitcoin.

Com uma proposta inovadora, o grupo B&T tem como ambição ser considerada a corretora com maior liquidez do mercado.

Segundo Vivian Portela, sócia-fundadora, isso será garantido pelas parcerias com exchanges internacionais, como a Kraken.

Para a Vivian, a maioria das exchanges funcionam comprando e vendendo, porém, tem que se esperar por ofertas.

O diferencial da Bit Blue é a garantia da liquidez, pois a empresa disponibilizará criptomoedas de fora a qualquer momento.

Sobre a oscilação de valores das criptomoedas, Vivian vislumbra uma maior estabilidade à medida que elas amadureçam como meio de pagamento e que as operações sejam regulamentadas.

O Banco Central do Brasil, por ora, não oferece essa perspectiva.

Inovação para o Câmbio e Criptomoedas

A B&T é uma instituição de câmbio, autorizada pelo Banco Central, que opera desde 1993 e tem como marca o investimento em tecnologia.

A ideia de entrar no mercado de criptos é estudada há mais de dois anos, portanto, anterior à supervalorização do Bitcoin no ano passado.

O grupo enxerga que o Bitcoin terá protagonismo como meio de pagamento.

Portanto, deve integrar, portanto, o portfólio de produtos disponíveis para câmbio.

“Aos poucos, o Bitcoin ganhará espaço, afinal, é a forma de facilitar as transferências internacionais”, diz Edisio Pereira Neto, sócio-fundador.

Segundo Pereira, a plataforma, que está em beta-test, já conta com cerca de 10 mil clientes.

Ele atribui a rápida adesão igualmente liquidez e à tarifa promocional de 0%.

A BitBlue também está integrada a uma empresa de pagamentos.

Ela quem automatiza os processos e garante transações em até cinco minutos.

Os planos para o segundo semestre incluem a expansão do câmbio de criptomoedas para lojas físicas, ademais, (a B&T conta com 200 casas no país) e inclusão de duas ou três novas moedas digitais na operação.

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here